O que é Arquitetura Bioclimática?

ARTIGOS jan 11, 2018 No Comments

Nos últimos anos a população vem passando por um período de transição na forma de viver e ver o mundo, onde muitos já optam por alternativas mais sustentáveis, procuram um contato maior com a natureza e estão dispostos a repensar seus atos para colaborar com um ambiente melhor, e nesse processo a arquitetura se faz importante, com a retomada de usos de materiais naturais, as estratégias para economizar energia elétrica e água potável, a busca pelo contato com o ambiente natural (relação interior/exterior), entre outros cuidados.

arquitetura bioclimática consiste em construir com mais responsabilidade, através do planejamento completo de edificações levando em consideração as condições climáticas, a topografia, e os recursos naturais (luz solar, calor, vegetação, chuva, ventos),  bem como o uso correto dos materiais de acordo com a região/clima para minimizar os impactos ambientais e reduzir o consumo de água potável e energia elétrica.

O uso das estratégias bioclimáticas garante o conforto térmico e lumínico sem necessitar de recursos artificiais, portanto também é sustentável. Envolve diversos fatores e cuidados que contribuem para a economia de água potável e energia elétrica, sendo que em alguns casos pode-se excluir o uso do aparelho de ar condicionado.


”A arquitetura bioclimática também é conhecida como a de alta eficiência energética, porque economiza e conserva a energia que capta, produz ou transforma no seu interior, reduzindo, portanto, o consumo energético e a suposta poluição ambiental. Em geral, é uma arquitetura pensada com o clima do lugar, o sol, o vento, a vegetação e a topografia, com um desenho que permite tirar proveito das condições naturais do lugar, estabelecendo condições adequadas de conforto físico e mental dentro do espaço físico em que se desenvolve.’

O Brasil é um país rico em recursos naturais e com uma importante luminosidade, mas num grande número de ambientes, existe a necessidade da luz acesa o dia inteiro, pela falta de aproveitamento da iluminação natural. Na nossa região, de clima temperado, as necessidades de iluminação, aquecimento no inverno e refrigeração no verão podem ser totalmente cobertas através de estratégias passivas de condicionamento, que devem ser incorporadas num projeto de arquitetura que conjugue a conceituação arquitetônica com o condicionamento natural da edificação.’

fonte: http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/drops/02.004/1590


Além de benefícios para o meio ambiente, as estratégias bioclimáticas aplicadas nas construções podem proporcionar melhorias na qualidade de vida dos usuários/moradores, e gerar economia financeira.


Texto de autoria da Arquiteta e Urbanista Vanessa De Negri, responsável pela Referência Arquitetura – Estratégias Bioclimáticas e Sustentáveis.


fontes de pesquisa: 

http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/drops/02.004/1590 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Arquitetura_bioclim%C3%A1tica


 

Refarq

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *