Etapas do projeto arquitetônico

O projeto arquitetônico de uma edificação é composto por algumas etapas que se caracterizam pela coleta de informações, desenvolvimento de estudos e serviços técnicos e emissão de produtos finais, objetivando, de acordo com o Roteiro para o Desenvolvimento do Projeto de Arquitetura da Edificação do IAB:

a) avaliar a compatibilidade do projeto com o programa de necessidades, em especial no que se refere funcionalidade, dimensionamentos e padrões de qualidade, e custos e prazos de execução da obra;

b) providenciar, em tempo hábil, as reformulações necessárias à concretização dos objetivos estabelecidos no programa de necessidades, evitando-se posteriores modificações que venham a onerar o custo do projeto e/ou da execução da obra;

c) construir o conjunto de informações necessárias ao desenvolvimento da fase subsequente.


Etapas que compõem o Projeto Arquitetônico:

  • Estudo Preliminar: etapa onde são feitos os levantamentos de dados necessários, e o estudo do perfil e das necessidades do cliente, e então é feito o lançamento das ideias para a solução arquitetônica (através de desenhos conceituais, layouts, perspectivas e croquis), podendo definir algumas referências (outros projetos que sirvam de inspiração). Esta deve ser aprovada pelo cliente para que seja dado seguimento as etapas subsequentes;
  • Anteprojeto: solução final do projeto arquitetônico proposto para a obra, considerando todas as exigências contidas no programa de necessidades e no Estudo Preliminar aprovado pelo cliente. Deve receber a aprovação final do cliente.
  • Projeto de Aprovação: é uma sub-fase ao anteprojeto, desenvolvida, conforme o caso anterior, concomitante ou posteriormente a ele. É o projeto para aprovação junto à Prefeitura Local, atendendo, além das exigências contidas no programa de necessidades, Estudo Preliminar e Anteprojeto, as exigências legais (normas técnicas de acordo com o município). Inclui: projeto arquitetônico, hidrossanitário, memorial descritivo, responsabilidade técnica (RRT), e o que mais for exigido pela Prefeitura Local.
  • Projeto Executivo: é o conjunto de documentos técnicos (memoriais, desenhos e especificações) necessárias à licitação e/ou execução (construção, montagem, fabricação) da obra. Constitui a configuração desenvolvida e detalhada do Anteprojeto aprovado pelo cliente.
  • Acompanhamento à Execução da Obra é fase complementar de projeto que se desenvolve concomitantemente à execução da obra. Serão acompanhadas as fases da obra para a orientação dos profissionais envolvidos e será feita a supervisão dos serviços a fim de garantir a qualidade e a execução de acordo com o projeto.




 

Ainda de acordo com o Roteiro para o Desenvolvimento do Projeto de Arquitetura da Edificação do IAB:

  • Serviços Excluídos: além do Projeto de Arquitetura da Edificação o arquiteto está técnica e legalmente habilitado à realização de outros serviços, excluídos do presente roteiro, entre os quais;

a) pesquisas, elaboração de programa de necessidades e similares;

b) levantamento arquitetônicos, urbanísticos, topográficos e geológicos (sondagens);

c) estudos de viabilidade (técnico – legal) arquitetônica, planos diretores urbanísticos e similares;

d) projeto de reforma, revitalização e restauração de edificações;

e) projetos de reparo, conservação/manutenção e limpeza de edificações;

f) projetos complementares de estrutura instalação hidrosanitárias (água quente e fria, esgotos e águas pluviais), de gás, de proteção contra incêndio e de coleta de lixo, instalações elétricas e telefônicas, conforto ambiental, acústica, sonorização e luminotécnica, instalações de ar condicionado e exaustão mecânica, entre outros;

g) Projetos de paisagismo, arquitetura de interiores, decoração, mobiliário e comunicação visual;

h) Projetos de desenho urbano, loteamentos, remembramento / de terrenos e similares;

i) Planos urbanísticos;

j) Estudos da viabilidade econômico – financeira, estimativas de custos, Orçamento e similares;

k) Vistorias / perícias, laudos / pareceres, assessoria / consultoria e similares;

l) Fiscalização (técnica) de projetos (realizados por terceiros), em nome do cliente;

m) Gerenciamento (técnico,administrativo e financeiro) de projetos (realizados por terceiros), em nome do cliente;

n) Fiscalização de execução de obras (realizadas por terceiros) ou fiscalização da construção / construtor, montagem/montador, fabricação/fabricante em nome do cliente;

o) Gerenciamento da execução de obras (realizadas por terceiros) ou fiscalização técnica, administrativa e financeira da construção/construtor, montagem/montador, fabricação/fabricante, em nome do cliente;

p) Execução de obras (construção/montagem/fabricação).


Resumindo, o projeto é composto por muito estudo e dedicação que tomam bastante tempo, além dos desenhos que é o que todos vêem!

Muitas vezes o cliente não entende a complexidade do serviço que está pedindo. Pensando nisso listei os itens que podem compor o projeto arquitetônico de forma simples e fácil de entender, e então sempre que o cliente solicitar algum serviço posso indicar este artigo, e vocês também! A ideia é passar o texto para o cliente que não sabe o que está pedindo, para que o diálogo fique mais transparente e que seja uma experiência de trabalho boa para ambos! Sem injustiças!

 

ASSINATURA_VANESSA17

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *